apoio

 
 
Associação dos Funcionários
Aposentados da Companhia
Estadual de Gás do RJ


 
 


 
                                                                                                BARRA MANSA     
 
 
 
                                                          
 
Barra Mansa ainda conserva as antigas fazendas do período do auge da cultura cafeeira no país.


                                                      
 
Grande centro de distribuição na época, suas construções resistiram ao tempo e, em sua maioria, preservaram o estilo neoclássico na arquitetura.                            
 
                                                                 
 
 
O município de Barra Mansa fica localizado às margens do Rio Paraíba do Sul, na região fluminense do Médio Vale do Paraíba, entre as Serras do Mar e da Mantiqueira.    
 
 
                                                    
 
 
Na década de 40, surgiram os primeiros edifícios e os bairros residenciais alastraram-se e ocuparam vales próximos e áreas distantes.

Barra Mansa exerce influência direta sobre grande parte da Região do médio Paraíba, bem como sobre a porção meridional do Centro Sul fluminense.


PONTOS TURÍSTICOS

Palácio Barão de Guapi - atualmente é sede da Biblioteca Municipal, seu jardim é conhecido como Jardim das Preguiças devido à abundância do mamífero conhecido como bicho-preguiça em suas árvores.

Fazenda Bocaina - Estrada Barra Mansa / Bananal, possui arquitetura rural do século XIX. Apresenta um estado de conservação muito bom e um portão de acesso ao jardim, cujo trabalho de serralheria merece destaque.

Fazenda Santo Antônio - Construída no início do século XIX, apresenta planta e fachada bem características das fazendas de café. 

Fazenda da Posse - A primeira construção erguida em Barra Mansa data de 1764, casarão em estilo colonial, um marco do surgimento do município. Atualmente, funciona como Centro Cultural, abrigando cursos e exposições de arte.

Fazenda Criciúma – Construída em 1872, pelo fazendeiro de café e empresário Manoel Gomes de Carvalho (Barão do Rio Negro). Criciúma foi uma das mais importantes produtoras de café da região, suas linhas arquitetônicas lembram o Palácio Rio Negro de Petrópolis.

Fazenda Sant'Ana do Turvo - Construída em 1826 por Joaquim Manuel de Carvalho (primeiro Barão de Amparo), foi a maior produtora de café na região. Em bom estado de conservação, é um dos bons exemplos da arquitetura rural do século XIX, contando com 12 quartos, três salões e outras dependências. 

Fazenda Rochinha - Mantém as características da arquitetura do final do século XVIII, quando o chamado estilo colonial marcava as construções rurais. Destaca-se pela excelência de sua cachaça artesanal.

Fazenda São Lucas Brandão - Pertenceu ao comendador Lucas Antônio Monteiro de Barros, benfeitor do município que deu início à construção da Câmara Municipal.

Fazenda Ribeirão Claro - foi construída em 1845, por João Crisóstomo de Vargas, no melhor estilo da época. 

Artesanato Stella Carvalho - Construído pela Associação das Damas de Caridade de Amparo, mostra uma fachada com esquadria em estilo colonial e suas colchas de retalhos são famosas, conhecidas inclusive em outros países, tornando-se um referencial de Amparo.
 
 
                                                       Hospedagens                                                             
 
 

HOTEL FAZENDA RENASCER
RIALTO 

(24) 3322 - 4836
99831 - 1274


 
------------------------------------------------------------------------------------------