BOM JARDIM DE MINAS

 
        Bom Jardim de Minas está  localizada no entroncamento da BR267 com a MG457 
                     

O município possui grande área preservada da mata atlântica, onde se encontram  cachoeiras, grutas, paredões e serras, dentre as quais se destacam a Serra da Bandeira, a Serra do Cruz, a Serra da Mira, a Serra do Governo e Imbutaia.

          As principais cachoeiras são a da Toca do Bichinho, Fumaça, Mandioca, Pitangueiras, Poço do Coração, Gerasinho, Paraíso Perdido, Remanso, Presépio, Pedra Branca, Três Barras, Pacau, Imbutaia e Dois Córregos. 

          Bom Jardim foi uma das primeiras povoações do Alto Rio Grande. A história do lugar traz personagens diversos, que vão desde índios nativos e colonizadores portugueses até as modernidades do trem de ferro. A cidade possui diversos casarões coloniais, trazendo no alto a imponente Igreja Matriz do Senhor Bom Jesus do Matozinho, construída em meados do seculo XVIII.
        A  Ferrovia do Aço proporcionou grande desenvolvimento para a região. Cortando a Serra do Pacau, o “Tunelão”, maior túnel da América do Sul, é conhecido por seus mais de 8 km de extensão e compõe o mais importante tronco ferroviário do Brasil.


                                             Ferrovia do Aço - Wikiwand

     Com calendário de eventos diversificado , como reveillon, carnaval, semana santa e exposição agropecuária, festas religiosas tradicionais entre julho e agosto.

     Com toda essa variedade de atrativos naturais e culturais, Bom Jardim de Minas é o destino ideal para quem procura novas experiências e boas lembranças.